Beleza de Outono

OUTONO

Fazer das coisas fracas um poema.
Uma árvore está… imóvel,
murcha, desprezada.
Mas se o poeta a levanta pelos cabelos
e lhe sopra os dedos,
ela volta a empertigar-se, renovada.
E tu, que não sabias o segredo,
perdes a vaidade.
Fora de ti há o mundo
e nele há tudo
que em ti não cabe.
Homem, até o barro tem poesia!
Olha as coisas com humildade.

Fernando Namora, in “Mar de Sargaços”

in English:
Making a poem from weak things. a tree is still, withered, neglected.But if the poet raises it by it’s hairs and blows it’s fingers, the tree returns to strut, renewed. And you, who did not know the secret, you lose the vanity. Outside of you there’s a world, and in it there’s everything in thee won’t fit. Man, even the clay has poetry! Look at things with humility.Fernando Namora, in “Mar de Sargaços”

Anúncios

Gostamos de ouvir de você.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s