El Condor Pasa (Leo Rojas)

 

http://www.leorojas.de/home

Possa o homem sentir a Benção que é a Natureza, a sua beleza e a sua essência!

May the man feel the blessing that nature is, it’s beauty and it’s essence!

Beleza de Outono

OUTONO

Fazer das coisas fracas um poema.
Uma árvore está… imóvel,
murcha, desprezada.
Mas se o poeta a levanta pelos cabelos
e lhe sopra os dedos,
ela volta a empertigar-se, renovada.
E tu, que não sabias o segredo,
perdes a vaidade.
Fora de ti há o mundo
e nele há tudo
que em ti não cabe.
Homem, até o barro tem poesia!
Olha as coisas com humildade.

Fernando Namora, in “Mar de Sargaços”

in English:
Making a poem from weak things. a tree is still, withered, neglected.But if the poet raises it by it’s hairs and blows it’s fingers, the tree returns to strut, renewed. And you, who did not know the secret, you lose the vanity. Outside of you there’s a world, and in it there’s everything in thee won’t fit. Man, even the clay has poetry! Look at things with humility.Fernando Namora, in “Mar de Sargaços”

Cores de Outono (Rebordelo-Amarante)

Outono em Rebordelo

CORES DE OUTONO, NOS BELOS LUGARES DE REBORDELO, EM AMARANTE (AUTUMN’S COLORS IN THE BEAUTIFUL PLACES AT REBORDELO, AMARANTE, PORTUGAL)

Uma árvore em flor fica despida no outono. A beleza transforma-se em feiúra, a juventude em velhice e o erro em virtude. Nada fica sempre igual e nada existe realmente. Portanto, as aparências e o vazio existem simultaneamente~Dalai Lama

 

in English: A bloom tree gets naked in the autumn. The beauty turns into ugliness, youth into old age and the error into a virtueNothing stays the same and nothing really exists. Therefore, appearances and emptiness exist simultaneously
Dalai Lama

Amizades

Terras de Bouro

Terras de Bouro (Parque Nacional da Peneda-Gerês) – Portugal

“Ser amigo é ter olhares, entender silêncios, ter compreensão, perdoar os erros, guardar segredos, prevenir quedas e secar lágrimas.”

(“Being a friend is to have glances, understand the silences, having comprehension, forgive mistakes, keeping secrets, prevent falls and drying tears.”

Dádiva da Vida

“Oklahoma” imagem cedida por © Robert Whistledaddy Stemmons

Estar desperto, poder respirar,
Abrir os olhos, o mundo enxergar
Perceber à volta, em sua inteireza,
Quão grande é a Mãe Natureza…

 Sentir-se feliz por vivo estar,
Ter um coração feito para amar,
Viver emoções, fortes ou amenas,
Fazer opções grandes ou pequenas…
 
Brotando como a força de uma semente
Porque toda condição nela está presente,
Assim é a vida e Deus fez para dar certo! 

É uma dádiva que ninguém usufrui só
Mas em comunhão e buscando ser melhor 
Cada dia, para  ficar de Deus mais perto! ~Eri Paiva

(GIFT OF LIFE – Being awake, able to breath. Open the eyes, see the world. Realizing surrounding, in its entirety, how great is the Mother Nature … Feeling happy to be alive, Having a heart made to love, Living emotions, strong or mild, Making choices great or small … Sprouting as the strength of a seed, because every condition in it is present, such is life and God made it to work out just fine. It’s a gift that no one enjoys alone, but in fellowship and seeking to be better each day, to get closer to God!)